Arquivos Resenha da Fran | Página 3 de 8 | Minha Vida Literária
Minha Vida Literária
11

ago
2020

[Resenha] A Casa Holandesa – Ann Patchett

Após a Segunda Guerra Mundial, graças a uma conjugação de sorte e senso de oportunidades, Cyril Conroy entra no ramo imobiliário, criando um negócio que logo se torna um império e leva sua família da pobreza para uma vida de opulência. Continue lendo »

14

jul
2020

[Resenha] Nova Jaguaruara – Mauro Lopes

Um antigo e curioso evento acontece todos os dias em Nova Jaguaruara, uma pequena cidade no interior do Ceará: à meia-noite, as luzes se apagam e a cidade cai na escuridão por exatamente um minuto. Continue lendo »

30

jun
2020

[Resenha] Entre a Cruz e a Espada – Igraínne Marques

A bailarina Esmeralda Araújo está muito animada. Depois de anos tentando, finalmente conseguiu ser selecionada para a turnê de Lago dos Cisnes, que vai acontecer, dessa vez, na Europa. Continue lendo »

02

jun
2020

[Resenha] A Vila dos Pecados – Soraya Abuchaim

Final do século XIX. Enquanto o mundo passa por transformações importantes, existe uma vila inóspita, que vive à margem da civilização e que tem as suas próprias e estranhas leis. Continue lendo »

19

maio
2020

[Resenha] A Mulher na Cabine 10 – Ruth Ware

Título: A Mulher na Cabine 10
Título original: The Woman in Cabin 10
Autor: Ruth Ware
Tradução: Alyda Sauer
Editora: Rocco
Número de Páginas: 320
Ano de Publicação: 2017
Skoob: Adicione
Compare e Compre: AmazonAmericanasSubmarino

Aclamado pela crítica e há mais de 30 semanas na lista dos mais vendidos do The New York Times, A mulher na cabine 10 estabelece de vez Ruth Ware como um dos grandes nomes do suspense contemporâneo, na melhor tradição de Agatha Christie. No livro, uma jornalista de turismo tenta se recuperar de um trauma quando é convidada para cobrir a viagem inaugural de um luxuoso navio. Mas, o que parecia a oportunidade perfeita para se esquecer dos recentes acontecimentos acaba se tornando um pesadelo quando, numa noite durante o cruzeiro, ela vê um corpo sendo jogado ao mar da cabine vizinha à sua. E o pior: os registros do navio mostram que ninguém se hospedara ao seu lado e que a lista de passageiros está completa. Abalada emocionalmente e desacreditada por todos, Lo Blacklock precisa encarar a possibilidade de que talvez tenha cometido um terrível engano. Ou encontrar qualquer prova de que foi testemunha de um crime e de que há um assassino entre as cabines e salões luxuosos e os passageiros indiferentes do Aurora Boreal.

Continue lendo »

páginas 12345678

Minha Vida Literária

Caixa Postal 452

Mogi das Cruzes/SP

CEP: 08710-971

Siga nas redes sociais

© 2021 • Minha Vida Literária • Todos os direitos reservados • fotos do topo por Ingrid Benício