[Vídeo resenha] Garotas de Vidro — Laurie Halse Anderson | Minha Vida Literária
Minha Vida Literária
23

jul
2020

[Vídeo resenha] Garotas de Vidro — Laurie Halse Anderson

Lia está doente e sua obsessão pela magreza a deixa cada vez mais confusa entre a realidade e a mentira. Mas ela perde totalmente o controle quando recebe a notícia de que sua melhor amiga, Cassie, morreu sozinha em um quarto de motel.E o pior: Cassie ligou para Lia 33 vezes antes de morrer.
O que começou como uma aposta entre duas amigas para ver quem ficaria mais magra tornou-se o maior pesadelo de duas adolescentes reféns de seus próprios corpos.
Ao negar seu problema, Lia impõe a si mesma um regime cruel em que contar calorias não é o bastante. Ao omitir seu desespero, apela ao autoflagelo numa tentativa premeditada de aliviar seus tormentos. Seus pais e sua madrasta tentam ajudá-la a qualquer custo, mas nem mesmo sua doce irmã, Emma, consegue fazer com que Lia pare de se destruir.
Agora, Lia precisa encontrar um modo de lidar com todos os seus fantasmas, e a morte de Cassie é um deles.
Garotas de Vidro é uma história intoxicante sobre a autorrepugnância e a busca pela identidade. Neste livro, Laure Halse anderson aborda de modo realista a dolorosa condição de jovens que sofrem de transtornos alimentares e sua complicada relação com o espelho e consigo mesmos.

 

Ficha Técnica

Título: Garotas de Vidro
Título original: Wintergirls
Autor: Laurie Halse Anderson
Tradução: Ana Paula Corradini
Editora: Novo Conceito
Número de Páginas: 272
Ano de Publicação: 2012
Skoob: Adicione
Compre: AmazonAmericanasSubmarino

 

VÍDEO RESENHA: Garotas de Vidro


 





Deixe o seu comentário

4 Respostas para "[Vídeo resenha] Garotas de Vidro — Laurie Halse Anderson"

RUDYNALVA CORREIA SOARES - 23, julho 2020 às (21:28)

Oi Aione!
Já tive oportunidade de ler esse livro há muitos anos e ainda tenho a impressão de mal estar que senti ao ler esse livro.
Você falou a palavra certa, foi uma leitura sufocante, angustiante…
Confesso que não foi uma das melhores leiuras para mim.
Pelo lado da construção psicológica foi bem feito.
cheirinhos
Rudy

Angela Cunha - 24, julho 2020 às (07:26)

Nossa, a época gostosa onde a Novo Conceito trazia os Kits. Puxa, que saudade deu agora!
Eu li esse livro bem na época do lançamento e mesmo sendo muito dolorido, foi sim, uma leitura completa, densa e sim, que nos coloca no lugar da personagem e no sofrimento que ela carrega.
Aquele tipo necessário de leitura em qualquer época da vida, para todas as idades!!!!
Beijo

Dheifen Sara - 25, julho 2020 às (11:46)

Oi Aione,
Só pela tua resenha já me sentir angustiada… rs Transtornos alimentares são temas tão delicados, né?!
Acredito que nossa relação com a comida vai além da questão de necessidade biológica, pois, temos o fator social (nas reuniões com familiares, amigos…), temos a questão sentimental (quem nunca comeu mais/menos em momentos alegres/tristes/ansiosos?) e ainda a relação corpo versus alimentação e todas as pressões estéticas, sobretudo, com nós mulheres. Eis um tema que me interessa muitooo… irei colocar na minha infindável lista de livros a serem lidos. kkk
Bjs e obrigada! ♥♥♥

Bianca Martins - 29, julho 2020 às (18:19)

Leituras que deixamos para depois… hehe…estante cheia
Leituras sufocantes estou dispensando por enquanto.
Mas deve ser muito louco entrar nas loucuras junto com a personagem!

Minha Vida Literária

Caixa Postal 452

Mogi das Cruzes/SP

CEP: 08710-971

Siga nas redes sociais

© 2020 • Minha Vida Literária • Todos os direitos reservados • fotos do topo por Ingrid Benício