Arquivos Resenha da Clívia | Página 11 de 16 | Minha Vida Literária
27

mar
2015

[Resenha] Tudo Que Um Geek Deve Saber – Ethan Gilsdorf

tudo-que-um-geek-deve-saber-frente_1.jpg.1000x1353_q85_crop

Título: Tudo Que Um Geek Deve Saber
Autor: Ethan Gilsdorf
Editora: Novo Conceito- Novas Ideias
Número de Páginas: 432
Ano de Publicação: 2015
Skoob: Adicione
Orelha de Livro: Adicione
Compare e Compre: AmazonCulturaFnacPonto FrioSaraivaTravessa

Por intermédio das suas reflexões e da viagem que decidiu fazer, Ethan Gilsdorf conta não somente a sua história, mas a da cultura pop. Jogador, na adolescência, de Dungeons & Dragons e fã de J. R. R. Tolkien, ele pegou a estrada para ir ao encontro de sua família . Nesse incrível tour, o autor viaja para a cidade natal do criador de D&D, Gary Gygax, veste uma fantasia para participar de um RPG e usa trajes medievais para encenar uma guerra em um encontro de nerds. Ao longo de sua jornada, Ethan ainda visita as obras do castelo francês Guédelon, uma incrível fortaleza medieval que está sendo construída hoje com os mesmos recursos utilizados no passado, e viaja para a Nova Zelândia, onde conhece as locações das filmagens de O Senhor dos Anéis. Acompanhe Ethan Gilsdorf nesta jornada sem precedentes, que traz para a realidade a paixão pela fantasia e pelos jogos.

Continue lendo »

20

mar
2015

[Resenha] Amiga de Juventude – Alice Munro

amigacapa

Título: Amiga de Juventude
Autor: Alice Munro
Editora: Editora Globo- Biblioteca Azul
Número de Páginas: 304
Ano de Publicação: 2014
Skoob: Adicione
Compare e Compre: AmazonCultura Ponto FrioSaraivaTravessa

Amiga de juventude apresenta dez contos nos quais a ven-cedora do prêmio Nobel de Literatura 2013 se concentra na delicadeza dos relaciona-mentos. Amizades, casamentos, relações entre pais e filhos são os pontos centrais destas narrativas, nas quais os personagens são levados a confrontar seus sentimentos mais íntimos. O livro enfoca as diferentes formas como o desejo, a paixão e o afeto resistem, se confundem ou mudam com a passagem dos anos. A autora parte de episódios cotidi-anos para se aprofundar na complexidade das personagens, que em várias histórias são também narradores que confrontam o próprio passado, suas expectativas e erros. Uma conversa entre amantes ou um sonho são o suficiente para despertar conflitos inespera-dos. A tradução de Elton Mesquita procura respeitar as minúcias do estilo da escritora e o texto em português mantém a fluidez do realismo doméstico e as intermitências do testemunho pessoal.Certamente uma das autoras mais relevantes da atualidade, Munro parece renovar-se em suas histórias ao atrair o leitor para cidades pequenas, vizinhanças de classe média e envolvê-lo em tensões familiares, desejos imprevisíveis e num clima de violência iminente e desesperada.Quarto livro da autora lançado pela Biblioteca Azul, Amiga de juventude reflete figuras ambíguas, com pouca chance de uma iluminação precisa, sem deixar de lado o realismo com o qual a autora flerta a todo momento.

Continue lendo »

13

mar
2015

[Resenha] Risíveis Amores – Milan Kundera

Risíveis Capa

Título: Risíveis Amores
Autor: Milan Kundera
Editora: Companhia das Letras – Companhia de Bolso
Número de Páginas: 264
Ano de Publicação: 2012
Skoob: Adicione
Orelha de Livro: Adicione
Compare e Compre: AmazonAmericanasCulturaFnacSaraivaSubmarino

Um homem diz que crê em Deus para conquistar uma garo-ta e acaba descobrindo as virtudes da devoção a um deus que ele sabe inexistente. Na-morados fingem que não se conhecem, e aos poucos percebem como são, de fato, dois estranhos. Um mentiroso hábil brinca com as pessoas, mas elas são tão crédulas que ele perde o controle da situação. Nos sete contos de ‘Risíveis amores’, Milan Kundera pro-cura retirar do amor e do sexo a seriedade que costuma recobri-los. As situações se de-senvolvem a partir de um mal-entendido, de um jogo com o outro. A mentira – ou a a arte de iludir e ser iludido – está sempre em foco. Mas o engano, que se inicia pela brin-cadeira, revela como o autoengano governa todos os aspectos da vida. Não são apenas histórias de amor que fazem rir. São, também, histórias sobre tentativas de repor alguma verdade à experiência amorosa.

Continue lendo »

06

mar
2015

[Resenha] A Casa Assombrada – John Boyne

CAPA-A-casa-assombrada

Título: A Casa Assombrada
Autor: John Boyne
Editora: Companhia das Letras
Número de Páginas: 296
Ano de Publicação: 2015
Skoob: Adicione
Compare e Compre: Amazon ♦ Cultura ♦ Saraiva

Eliza Caine tem 21 anos e acaba de perder o pai. Totalmente sozinha e sem dinheiro suficiente para pagar o aluguel na cida-de, ela se depara com o anúncio de um tal H. Bennet. Ele busca uma governanta para se dedicar aos cuidados e à educação das crianças de Gaudlin Hall, uma propriedade no condado de Norfolk – sem, no entanto, mencionar quantas são, quantos anos têm ou dar quaisquer outras explicações. Assim, ela larga o emprego de professora numa escola para meninas e ruma para o interior. Chegando a Gaudlin Hall, Eliza se surpreende ao encontrar apenas Isabella, uma menina que parece inteligente demais para sua idade, e Eustace, seu adorável irmão de oito anos. Os pais das crianças não estão lá. Não se veem criados. Ela logo constata que não há nenhum outro adulto na propriedade, e a iden-tidade de H. Bennet permanece um mistério.A governanta recém-contratada busca in-formações com as pessoas do vilarejo, mas todos a evitam. Nesse meio tempo, fica in-trigada com janelas que se fecham sem explicação, cortinas que se movem sozinhas e ventos desproporcionais soprando pela propriedade. E então coisas realmente assustado-ras começam a acontecer…

Continue lendo »

03

mar
2015

[Resenha] As Confissões das Irmãs Sullivan – Natalie Standiford

Capa As Confissoes das Irmas Sullivan AG V2.indd

Título: As Confissões das Irmãs Sullivan
Autor: Natalie Standiford
Editora: Galera Record
Número de Páginas: 352
Ano de Publicação: 2015
Skoob: Adicione
Compare e Compre: Amazon ♦ Cultura ♦ Saraiva

Quando o futuro da família está em jogo, não há segredo grande ou pequeno demais. A avó das irmãs Sullivan reúne a família para anunciar que em breve morrerá. E, possivelmente pior, que removeu toda a família de seu testamento. Como ela é a fonte de quase toda a renda familiar, isso significa que ficarão sem um tostão. Ela foi ofendida por alguém da família, mas diz que, se o ofensor se revelar com uma confissão do seu crime enviada para seu advogado, ela pode recolocar a família no testamento. Agora, nenhum segredo é grande ou demais para as irmãs Sullivan. E que comecem as confissões.

Continue lendo »

27

fev
2015

[Resenha] Remissão da Pena – Patrick Modiano

Capa Remissao da Pena AG V2.ai

Título: Remissão da Pena
Autor: Patrick Modiano
Editora: Record
Número de Páginas: 128
Ano de Publicação: 2015
Skoob: Adicione
Compare e Compre: Amazon ♦ Cultura ♦ Saraiva

Patrick e seu irmão são confiados a amigas de seus pais em Paris após a Segunda Guerra. Das mulheres responsáveis pelos dois meninos pouco se sabe além do que revelam os trechos de conversas entreouvidas por Patrick: que uma delas é uma pessoa triste e que a outra foi artista de circo. Isso e o fato de receberem as visitas frequentes de Jean D. e Roger Vincent durante o dia e de diversos visitantes noturnos. Nesse mundo intangível, os dois irmãos seguem de mãos dadas pela infância através da rue du Docteur-Dornaine e em meio a visitas a castelos, excursões a Paris, leitura de histórias de aventura, tardes ouvindo rádio — sempre à espera de que, um dia, alguém volte para buscá-los.

Continue lendo »

13

fev
2015

[Resenha] Vermelho Como O Sangue – Salla Simukka

vermelho-como-sangue-frente_2.jpg.1000x1353_q85_crop

Título: Vermelho Como o Sangue
Autor: Salla Simukka
Editora: Novo Conceito
Número de Páginas: 240
Ano de Publicação:2014
Skoob: Adicione
Orelha de Livro: Adicione
Compare e Compre: Buscapé

No congelante inverno do Ártico, Lumikki Andersson en-contra uma incrível quantidade de notas manchadas de vermelho, ainda úmidas, pendu-radas para secar no laboratório de fotografia da escola. Cédulas respingadas de sangue. Aos 17 anos, Lumikki vive sozinha, longe de seus pais e do passado que deixou para trás. Em uma conceituada escola de arte, ela se concentra nos estudos, alheia aos flashes, à fofoca e às festinhas dominadas pelos garotos e garotas perfeitos. Depois que se envolve sem querer no caso das cédulas sujas de sangue, Lumikki é arrastada por um turbilhão de eventos. Eventos que se mostram cada vez mais ameaçadores quando as provas apontam para policiais corruptos e para um traficante perigoso, conhecido pela brutalidade com que conduz os seus negócios. Lumikki perde o controle sobre o mundo em que vive e descobre que esteve cega diante das forças que a puxavam para o fundo. Ela descobre também que o tempo está se esgotando. Quando o sangue mancha a neve, talvez seja tarde demais para salvar seus amigos. Ou a si mesma.

Continue lendo »

06

fev
2015

[Resenha] O Primeiro Telefonema do Céu – Mitch Albom

9788580413502

Título: O Primeiro Telefonema do Céu
Autor: Mitch Albom
Editora: Arqueiro
Número de Páginas: 288
Ano de Publicação: 2014
Skoob: Adicione
Orelha de Livro: Adicione
Compare e Compre: Buscapé

Como você se sentiria se um dia recebesse uma ligação de alguém que ama muito e que já se foi?Numa sexta-feira comum, o telefone de Tess Raf-ferty toca. É sua mãe, Ruth, que morreu quatro anos antes. Em seguida, Jack Sellers e Katherine Yellin recebem ligações semelhantes, do filho e da irmã, também já faleci-dos.Nas semanas seguintes, outros habitantes de Coldwater afirmam que estão em con-tato direto com o além, e que seus interlocutores lhes pediram para espalhar a boa-nova ao maior número possível de pessoas. A mensagem é simples: o céu existe, e é um lugar onde todos são iguais.Em pouco tempo, correspondentes de diversos meios de comuni-cação aportam na cidade para transmitir os desdobramentos do fenômeno que pode ser o maior milagre da atualidade. Visitantes do país inteiro começam a surgir, as vendas de telefone disparam e as igrejas se enchem de fiéis.Apenas uma pessoa desconfia da histó-ria: Sully Harding, ex-piloto das Forças Armadas. Após quase morrer num desastre aé-reo, perder a mulher e cumprir pena por um crime que não cometeu, ele não acredita num mundo melhor, muito menos após a morte. E quando seu filho pequeno começa a esperar uma ligação da mãe morta, ele decide provar que estão todos sendo enganados.O primeiro telefonema do céu é uma história de mistério e, ao mesmo tempo, uma reflexão sobre o poder da conexão humana. Em uma narrativa que vai tocar sua alma, Mitch Albom prova mais uma vez por que é um dos autores mais queridos da atualidade.

Continue lendo »

30

jan
2015

[Resenha] O Irmão Alemão – Chico Buarque

IRMAO-ALEMAO

Título: O Irmão Alemão
Autor: Chico Buarque
Editora: Companhia das Letras
Número de Páginas: 340
Ano de Publicação: 2014
Skoob: Adicione
Orelha de Livro: Adicione
Compare e Compre: Buscapé

A narrativa se estrutura numa constante tensão entre o que de fato aconteceu, o que poderia ter sido e a mais pura imaginação. Na São Paulo dos anos 1960, o adolescente Francisco de Hollander, ou Ciccio, encontra uma carta em alemão dentro de um volume na vasta biblioteca paterna, a segunda maior da cidade. Em meio a porres, roubos recreativos de carros e jornadas nem sempre lícitas a livros empoeirados, surgem pistas que detonam uma missão de vida inteira. Ao tentar traçar o destino de seu irmão alemão, parece também estar em jogo para o narrador ganhar o respeito do pai, que, apesar dos arroubos intelectuais de Ciccio, tem mais afinidade com Domingos, ou Mimmo, seu outro filho, galanteador contumaz, leitor da Playboy e da Luluzinha, e sempre a par das novas sobre Brigitte Bardot. A despeito das tentativas de mediação da mãe, Assunta – italiana doce e enérgica justa e com todos compreensiva -, a relação dos irmãos é quase feita só de silêncio, competição e ressentimento.
Num decurso temporal que chega à Berlim dos dias presentes, e que tem no horror da ditadura militar brasileira e nos ecos do Holocausto seus centros de força, O irmão alemão conduz o leitor por caminhos vertiginosos através dessa busca pela verdade e pelos afetos.

Continue lendo »

23

jan
2015

[Resenha] As Estranhas e Belas Mágoas de Ava Lavender – Leslye Walton

ava-lavender-frente_1.jpg.1000x1353_q85_crop

Título: As Estranhas e Belas Mágoas de Ava Lavender
Autor: Leslye Walton
Editora: Novo Conceito
Número de Páginas: 304
Ano de Publicação: 2014
Skoob: Adicione
Orelha de Livro: Adicione
Compare e Compre: Buscapé

Gerações da família Roux aprenderam essa lição da maneira mais difícil. Os amores tolos parecem, de fato, ser transmitidos por herança aos membros da família, o que determina um destino ameaçador para os descendentes mais jovens: os gêmeos Ava e Henry Lavender. Henry passou boa parte de sua mocidade sem falar, enquanto Ava que em todos os outros aspectos parece ser uma jovem normal nas-ceu com asas de pássaro.
Tentando compreender sua constituição tão peculiar e, ao mesmo tempo, desejando ardentemente se adaptar aos seus pares, a jovem Ava, aos 16 anos, decide revolver o passado de sua família e se aventura em um mundo muito maior, despreparada para o que ela iria descobrir e ingênua diante dos motivos distorcidos das demais pessoas. Pessoas como Nathaniel Sorrows, que confunde Ava com um anjo e cuja obsessão por ela cresce mais e mais até a noite da celebração do solstício de verão. Nessa noite, os céus se abrem, a chuva e as penas enchem o ar, enquanto a jornada de Ava e a saga de sua família caminham para um desenlace sombrio e emocionante.

Continue lendo »

páginas «1 ...789101112131415... 16»

Últimas Resenhas

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2020 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por