Arquivos Resenha da Clívia | Página 2 de 32 | Minha Vida Literária
Minha Vida Literária
16

jan
2019

[Resenha] O Método Bullet Journal – Ryder Carroll

Título: O Método Bullet Journal
Título original: The Bullet Journal Method
Autor: Ryder Carroll
Tradução: Flávia Souto Maior
Editora: Fontanar
Número de Páginas: 328
Ano de Publicação: 2018
Skoob: Adicione
Compare e Compre: AmazonAmericanasSubmarino

O método Bullet Journal é muito mais do que uma forma de organizar tarefas através de anotações. É uma maneira de diminuir a ansiedade e “viver de forma intencional”. Ao remover as distrações e focar seu tempo e energia nas atividades que realmente trazem resultado, você vai transformar sua vida profissional e pessoal.
Aprenda neste livro a:
– Registrar o passado;
– Organizar o presente;
– Planejar o futuro.
Um guia certeiro para quem quer tomar as rédeas da própria vida e comemorar um aumento na produtividade.

Continue lendo »

21

dez
2018

[Resenha] A Assombração da Casa da Colina – Shirley Jackson

Título: A Assombração da Casa da Colina
Título Original: The Haunting of Hill House
Autor: Shirley Jackson
Tradução: Débora Landsberg
Editora: Suma
Número de Páginas: 240
Ano de Publicação: 2018
Skoob: Adicione
Compare e Compre: AmazonAmericanasSubmarino

Considerada uma das melhores histórias de terror do século XX, a A Assombração da Casa da Colina promete calafrios aos seus leitores. Vista por mestres como Stephen King e Neil Gaiman como a rainha do terror, Shirley Jackson entrega um livro perturbador sobre a relação entre a loucura e o sobrenatural. Sozinha no mundo, Eleanor fica encantada ao receber uma carta do dr. Montague convidando-a para passar um tempo na Casa da Colina, um local conhecido por suas manifestações fantasmagóricas. O mesmo convite é feito a Theodora, uma alma artística e “sensitiva”, e a Luke, o herdeiro da mansão. Mas o que começa como uma exploração bem-humorada de um mito inocente se transforma em uma viagem para os piores pesadelos de seus moradores. Com o tempo, fica cada vez mais claro que a vida, e a sanidade, de todos está em risco.

Continue lendo »

13

dez
2018

[Resenha] Adulta sim, madura nem sempre – Camila Fremder

Título: Adulta sim, madura nem sempre
Autor: Camila Fremder
Editora: Paralela
Número de Páginas: 136
Ano de Publicação: 2018
Skoob: Adicione
Compare e Compre: AmazonAmericanasSubmarino

A vida adulta chega de uma hora para outra e nem sempre estamos preparados para ela. E tudo bem. Um dia você é a jovem moderna que ouve música alta e incomoda a vizinha. Num piscar de olhos é você quem está interfonando para o porteiro e reclamando, aos berros, do som da garota que mora no andar de cima. O que aconteceu? Simples: a vida adulta chegou. Quer dizer, não tem nada de simples.Como Camila Fremder mostra neste seu novo livro, a vida adulta costuma chegar de uma hora para outra, sem avisar, sem um curso preparatório, sem nada. Ou pelo menos é assim que a gente se sente. E a consequência disso é muito estranhamento, reflexões e boas risadas. Saem de cena as noites agitadas e os dias sem grandes preocupações, sendo substituídos por fraldas (no caso de quem tem filho), boletos e muita paranoia com a aparência. Com observações perspicazes e bom humor, Camila nos ajuda a entender e aceitar melhor essa transição. Um livro que você não vai conseguir largar. A menos que o bebê acorde ou esteja na hora de você correr para o batente.

Continue lendo »

02

out
2018

[Resenha] A Louca dos Gatos – Sarah Andersen

Título: A Louca dos Gatos
Título original: Herding Cats
Autor: Sarah Andersen
Tradução: André Czarnobai
Editora: Seguinte
Número de Páginas: 112
Ano de Publicação: 2018
Skoob: Adicione
Compare e Compre: AmazonAmericanasSaraivaSubmarino

A terceira coletânea da cartunista Sarah Andersen traz novas tiras que retratam os desafios de ser um jovem adulto num mundo cada vez mais instável. Os quadrinhos de Sarah Andersen são para todos que precisam lidar com níveis de ansiedade cada vez mais alarmantes, que sentem que o mundo está à beira do colapso e que se esforçam para sair ao menos um centimetrozinho da zona de conforto. Ou seja, é basicamente um manual de sobrevivência para os dias de hoje. Além de suas tirinhas sagazes e encantadoras, a autora, que já reuniu mais de 2 milhões de fãs no Facebook, traz também ensaios ilustrados com dicas para os artistas aspirantes aprenderem a lidar com críticas, ignorarem os trolls na internet e não desistirem de mostrar seu trabalho.

Continue lendo »

27

set
2018

[Resenha] Um Artista do Mundo Flutuante – Kazuo Ishiguro

Título: Um Artista do Mundo Flutuante
Título original: An Artist of the Floating World
Autor: Kazuo Ishiguro
Tradução: José Rubens Siqueira
Editora: Companhia das Letras
Número de Páginas: 232
Ano de Publicação: 2018
Skoob: Adicione
Compare e Compre: AmazonAmericanasSaraivaSubmarino

Um romance sensível e comovente do vencedor do prêmio Nobel, ambientado no Japão após a Segunda Guerra Mundial.Masuji Ono, protagonista e narrador deste primoroso romance do vencedor do prêmio Nobel de literatura, é um homem de seu tempo. Pintor de grande renome do Japão antes e durante a Segunda Guerra Mundial, ainda jovem Masuji desafiou o pai para seguir a vocação artística e, durante seu desenvolvimento criativo, lutou contra as amarras da arte tradicional japonesa para dar lugar a uma produção propagandística a serviço de seu país. Usando a influência de que gozava perante as autoridades do governo imperial, Ono buscava ajudar pessoas de bem em situações menos favorecidas do que a sua. Ambientado nos anos imediatamente após a rendição, o romance descortina a vida de Masuji já aposentado, procurando entender as mudanças vividas pelo país e impressas na mentalidade da geração mais jovem, da qual fazem parte suas duas filhas. Ao procurar entender por que as negociações para o casamento da mais nova delas foram abruptamente interrompidas, o protagonista se vê levado a rememorar sua vida de artista e professor respeitado e a enfrentar a consequência dos próprios atos no destino de seus descendentes.Retrato comovente de um momento histórico cujos desdobramentos se veem até os dias de hoje, Um artista do mundo flutuante é também um poderoso romance sobre a velhice, a culpa e a passagem do tempo. “Há muitos bons escritores, mas poucos bons romancistas. Kazuo Ishiguro pertence a este escasso grupo. Seu segundo romance, Um artista do mundo flutuante, é do tipo que aprofunda a consciência do leitor, ensinando-o a ler mais sensivelmente.” – The New York Times Book Review.

Continue lendo »

páginas 123456... 32»

Minha Vida Literária

Caixa Postal 452

Mogi das Cruzes/SP

CEP: 08710-971

Siga nas redes sociais

© 2020 • Minha Vida Literária • Todos os direitos reservados • fotos do topo por Ingrid Benício