Querido nº 4 | #CartasParaQuemAmei | Minha Vida Literária
Minha Vida Literária
06

set
2020

Querido nº 4 | #CartasParaQuemAmei

#CartasParaQuemAmei é um projeto dos #EscritosDaAione reunindo textos sobre amores passados. Esse é o quinto texto da série, publicado originalmente no Instagram.

 #CartasParaQuemAmei

Querido nº 4,

Você é o único que permaneceu. Eu poderia dizer que só você não me deu motivos para te afastar, mas, na verdade, fui incapaz de fazer isso. Como eu poderia, quando você me desafiou de todas as formas possíveis e me fez experimentar sensações que achei que só existissem nos livros? Como, se o respeito e a admiração por você só crescem?

Com você, descobri que primeiros beijos podem causar explosões atordoantes e que o encontro de corpos pode tocar almas. Com você, experimentei a calmaria de uma sintonia perfeita e provei das melhores risadas: aquelas dadas em conjunto. Com você, descobri que amarras podem significar libertação.
E, com você, eu entendi que o amor independe de nossas escolhas pessoais: mesmo te amando, eu não podia me colocar de lado só pra que eu coubesse na sua vida. E você na minha.

Não é à toa que, apesar de todas as coisas que você jamais me disse, apesar de todas as minhas inquietações buscando por pistas que me ajudariam a te interpretar, você, ainda assim, foi meu melhor relacionamento — mesmo que ele tenha existido apenas aos nossos olhos. Foi doloroso lamentar o término de algo que, para o mundo, nem chegou a acontecer. Eu não precisei te deletar de redes onde você nunca esteve — e isso, talvez, tenha doído ainda mais do que se eu o tivesse feito. Onde estavam as provas de que você havia existido para além de mim?

Te deixar está entre as coisas mais difíceis que já fiz, e não me refiro somente à tarde em que fui embora, mas todo o tempo necessário depois dela para tirar você da posição que eu te coloquei. Eu parti temendo nunca mais sentir o que só você conseguiu — e eu ainda temo. A diferença é que hoje eu estou disposta a descobrir não as mesmas sensações — porque hoje sei que o amor e o que ele causa nunca é o mesmo —, mas outras tão intensas quanto.
Demorou, mas eu consegui te ressignificar. E eu te ressignifiquei pra poder te manter comigo.

Você foi o único que permaneceu porque o amor permaneceu, mas, agora, eu o chamo de amizade.





Deixe o seu comentário

7 Respostas para "Querido nº 4 | #CartasParaQuemAmei"

Theresa Cavalcanti - 06, setembro 2020 às (16:58)

Transformar em amizade é muito bonito, e pode ser muito doloroso também no começo…
Mas acredito que seja o melhor caminho mesmo.

Beijos

Angela Cunha - 07, setembro 2020 às (09:00)

Esse trouxe lágrimas aos olhos!
É difícil demais deixar um sentimento adormecer, para que outro, tão semelhante quanto, chegue e tome lugar. É preciso muito amor para que a amizade chegue.
É a mais linda carta, é o mais lindo sentimento!!!!
Beijo

Anna Mendes - 07, setembro 2020 às (11:12)

Oi Aione!
A cada texto que leio, surge um novo favorito!
Amei essa carta! Ela tem um tom mais feliz e reconfortante do que as outras.
Mais uma vez, suas palavras trouxeram sensibilidade, emoção e reflexão sobre mais uma forma de amar.
Bjos!

RUDYNALVA CORREIA SOARES - 08, setembro 2020 às (00:27)

Aione!
Essa foi uma verdadeira declaração de amor…
Ele foi, mas o amor ficou, mesmo que ressignificado.
cheirinhos
Rudy

Amanda Almeida - 08, setembro 2020 às (08:08)

Que texto gostoso de se ler. Todavia, “o amor independe de nossas escolhas pessoais” foi um tapa na cara haha! Não que eu não concorde, inclusive concordo tanto que abri mão de uma pessoa ótima por isso, mas enfim, isso é outra coisa. Lindo o texto, ressignificar é importante pro nosso próprio bem estar.
Beijos

Scheila - 08, setembro 2020 às (14:08)

Ahh essas cartas, estou amando!
São tão profundas e cada uma mexe de uma maneira diferente comigo, sempre tem algo que me faz lembrar alguém.. É lindo demais!
Ressignificar é algo tão belo, que poucas pessoas conseguem.. Transformar um amor em amizade.. Tu mostra quão maduro nos tornamos..

Amei! Beijinhos.

Elizete Silva - 29, setembro 2020 às (15:15)

Olá! Esse deve ser um processo bem difícil, olhar para trás e analisar nossas ações e atitudes, perceber o que nos fez melhorar ou não, textos bastantes reflexivos.

Minha Vida Literária

Caixa Postal 452

Mogi das Cruzes/SP

CEP: 08710-971

Siga nas redes sociais

© 2020 • Minha Vida Literária • Todos os direitos reservados • fotos do topo por Ingrid Benício