[Resenha] Escrever Ficção — Luiz Antonio de Assis Brasil | Minha Vida Literária
17

jan
2020

[Resenha] Escrever Ficção — Luiz Antonio de Assis Brasil

Título: Escrever Ficção: Um manual de criação literária
Autor: Luiz Antonio de Assis Brasil
Editora: Companhia das Letras
Número de Páginas: 416
Ano de Publicação: 2019
Skoob: Adicione
Compare e Compre: AmazonAmericanasSaraivaSubmarino

O criador da mais célebre oficina de escrita literária no Brasil transformou em livro o curso que formou muitos dos grandes escritores brasileiros contemporâneos. “Este é um livro imaginado para auxiliar quem deseja escrever textos de ficção.” O escritor e professor Luiz Antonio de Assis Brasil registrou aqui sua experiência ao longo de 34 anos ininterruptos de trabalho com a Oficina de Criação Literária da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, e também no programa de pós-graduação em escrita criativa na mesma universidade. Com a perspectiva de um ficcionista dialogando com outros ficcionistas, ele apresenta ferramentas indispensáveis para a formação de um escritor. Avesso a fórmulas, Assis ressalta o papel da leitura constante de obras literárias para quem ser se tornar autor de ficção ― e são essas obras as grandes referências de seus cursos e deste manual indispensável, que contou com a colaboração do escritor e ex-aluno Luís Roberto Amabile.

Escrever Ficção é a obra de Luiz Antonio de Assis Brasil que reúne sua experiência trabalhando há 34 anos em uma das mais conceituadas oficinas de escrita criativa no país, a Oficina de Escrita Literária da PUC/RS. O livro, uma espécie de manual para quem deseja escrever ficção, é uma leitura interessante tanto para quem escreve quanto para quem é leitor.

Ao assumir a posição de ficcionista, o tom do autor é de proximidade e a leitura causa a sensação de um bate-papo com um amigo. Dessa maneira, os conselhos e dicas — valiosos — são transmitidos de forma natural e facilmente assimilados. É possível extrair muito do que Escrever Ficção oferece por conta das estratégias empregadas em sua construção.

Além da habilidade em si de Luiz Antonio em comunicar, ele divide os capítulos do manual em temas, o que tanto dá uma organização à leitura quanto permite uma melhor compreensão de cada elemento formativo de uma obra de ficção, em especial o romance e a novela. Por isso, o livro não se destina apenas àqueles interessados na escrita, mas também aos leitores: essa é uma maneira de compreender as técnicas empregadas por cada autor e, por consequência, ter outra visão e compreensão de narrativas literárias.

Luiz Antonio, também, faz uso de inúmeras citações e referências para exemplificar os pontos abordados. Ao trazer as mais diversas obras e autores, não só demonstra as muitas possibilidades narrativas como proporciona uma possibilidade de ampliação de acervo literário; afinal, é bem possível que alguns dos citados sejam até então desconhecidos para quem está anotando as dicas.

Vale também dizer que, em meio ao conteúdo informativo, Luiz Antonio desenvolve uma narrativa dentro de Escrever Ficção ao exemplificar o processo de criação de um romance com uma situação que, segundo ele, ocorreu com um de seus alunos da oficina. De maneira despretensiosa, o autor começa a contar sobre o livro que Thiago, o aluno, desejava escrever e quais obstáculos foi encontrando nessa trajetória. Ao passar dos capítulos, somos atualizados do progresso do aluno por meio de um procedimentos que representa cada um dos pontos levantados pelo autor, já que suas técnicas são empregadas nessa pequena narrativa. Dessa maneira, Luiz Antonio demonstra não só sua habilidade como orientador da oficina, mas também seu lado ficcionista.

A leitura de Escrever Ficção não foi apenas útil, como prazerosa. Fiz inúmeras anotações e, a cada capítulo que me debrucei em estudo, mal senti o tempo passar ou as páginas virarem. Foi uma leitura que me despertou inúmeras reflexões e análises sobre meu próprio processo de escrita, além de ter me feito atentar para pontos até então que eu não havia percebido, embora outros já me fossem conhecidos. Acima de tudo, foi uma leitura que me deixou com uma sensação gostosa ao terminar, seja por ter me motivado a escrever, seja por ter me colocado diante à experiência de acompanhar um trabalho bem elaborado e agradável de se ler. É, certamente, uma obra que voltarei a consultar no futuro.





Deixe o seu comentário

8 Respostas para "[Resenha] Escrever Ficção — Luiz Antonio de Assis Brasil"

Angela Cunha - 17, janeiro 2020 às (13:39)

Mesmo não sendo um gênero que seria útil a mim, eu admito que sempre amo ler obras que me façam aprender algo de bom e como sou uma negação em ficção científica, seria uma boa maneira de ao menos, começar a entender mais este universo.
Como não conhecia o livro e nem o autor, já quero!!!
Mas penso que os fãs do gênero ficarão ainda mais felizes do que eu!
Beijo

Vanessa Meiser - 17, janeiro 2020 às (21:03)

Nossa, você fez muuuuitas marcações mesmo, imagino o quanto este livro tenha sido útil para você. Eu nunca me imaginei escrevendo um livro, acho que não possuo criatividade suficiente, sniff. Sou da turma que gosta de ler mesmo, hehe. Parabéns pela resenha.

Beijo, Van.

Rayane - 19, janeiro 2020 às (13:57)

Achei interessante, porém confesso que não sei se leria. Gostei de saber que o livro ensina sobre as técnicas da escrita, é legal saber como funciona todo esse processa que me fascina tanto, e apesar de não ser um livro indicado apenas para quem se interessa na escrita eu sou meio chata quanto a livros assim, não sei se daria uma oportunidade agora, mas quem sabe um dia…

Anna Mendes - 20, janeiro 2020 às (11:03)

Oi Aione!
Amei você ter feito a resenha desse livro! Eu estava bem curiosa para saber mais sobre ele.
Adoro ler livros nesse gênero, porque além do aprendizado, me sinto muito mais motivada e inspirada para escrever.
Escrever Ficção parece proporcionar uma ótima leitura. As dicas do autor também parecem ser muito úteis.
Fiquei com muita vontade de fazer a leitura!
Bjos!

Ravenna Sena - 20, janeiro 2020 às (15:34)

Estou sendo vendo em seus stories você mostrando esse livro, eu preciso muito aprender a escrever o minimo que for, estou em processo de começar TCC e sou das exatas, porém estou estudando muito sobre educação inclusiva então preciso escerver e ler muito.

RUDYNALVA CORREIA SOARES - 21, janeiro 2020 às (21:47)

Aione!
Ler livros mais técnicos e instrutivos, principalemnte ligado a como escrever e aqui como escrever ficção, se bem introduzido e de fácil entendimento, é importante , ainda mais para quem quer escrever algum dia.
Valeu a indicação, não conhecia.
cheirinhos
Rudy

Elizete Silva - 30, janeiro 2020 às (15:01)

Olá! Uma ótima oportunidade para os escritores somaram ainda mais conhecimento quanto à escrita. E porque não, para nós leitores entendermos melhor como é complexo esse mundo da escrita e entender melhor nossos autores.

Ana I. J. Mercury - 31, janeiro 2020 às (16:11)

Oi, Aione
Eu não conhecia esse livro, mas achei maravilhoso!
Pena sua resenha, deu pra ver o quanto ele é bem desenvolvido e ajuda a aprendermos boas técnicas de escrita e a desenvolver mais. Eu quero terminar meu romance esse ano, acho que vou comprá-lo e ler logo! kkk
bjs

Últimas Resenhas

Calendário de posts

janeiro 2020
S T Q Q S S D
« dez   fev »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Desafio Fuxicando Sobre Chick-Lits 2019

<div class="titulo desafio-fuxicando-sobre-chick-lits-2019"><h6>Desafio Fuxicando Sobre Chick-Lits 2019</h6></div>

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2020 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por