[Resenha] Minha coisa favorita é monstro — Emil Ferris | Minha Vida Literária
22

out
2019

[Resenha] Minha coisa favorita é monstro — Emil Ferris

Título: Minha coisa favorita é monstro
Título original: My favorite thing is monsters
Autor: Emil Ferris
Tradução: Érico Assis
Editora: Quadrinhos na Cia
Número de Páginas: 416
Ano de Publicação: 2019
Skoob: Adicione
Compare e Compre: AmazonAmericanasSaraivaSubmarino

A história de um assassinato misterioso, um drama familiar, um épico histórico e um extraordinário suspense psicológico sobre monstros — reais e imaginados. A história em quadrinhos mais impactante desde Maus. Com o tumultuado cenário político da Chicago dos anos 1960 como pano de fundo, Minha Coisa Favorita é Monstro é narrado por Karen Reyes, uma garota de dez anos completamente alucinada por histórias de terror. No seu diário, todo feito em esferográfica, ela se desenha como uma jovem lobismoça e leva o leitor a uma incrível jornada pela iconografia dos filmes B de horror e das revistinhas de monstro. Quando Karen tenta desvendar o assassinato de sua bela e enigmática vizinha do andar de cima — Anka Silverberg, uma sobrevivente do Holocausto — assistimos ao desenrolar de histórias fascinantes de um elenco bizarro e sombrio de personagens: seu irmão Dezê, convocado a servir nas forças armadas e assombrado por um segredo do passado; o marido de Anka, Sam Silverberg, também conhecido como o jazzman “Hotstep”; o mafioso Sr. Gronan; a drag queen Franklin; e Sr. Chugg, o ventríloquo. Num estilo caleidoscópico e de virtuosismo estonteante, Minha Coisa Favorita é Monstro é uma obra magistral e de originalidade ímpar. Grande vencedor do prêmio Eisner, o mais importante do quadrinho mundial, nas categorias Melhor Álbum do Ano, Melhor Roteirista/Desenhista e Melhor Colorista.

Minha coisa favorita é monstro é a graphic novel de estreia de Emil Ferris. Com mais de 400 páginas, levou 5 anos para ficar pronta e a autora trabalhava nela diariamente mais de 12 horas por dia.

Nessa obra, o que nos chama atenção inicialmente é o seu estilo, pois se apresenta como a reprodução de um caderno com a arte executada através de canetas esferográficas. Posteriormente, nos deparamos com um enredo bem construído e uma trama repleta de eventos inesperados e detalhes surpreendentes.

Aqui temos como cenário o contexto político da Chicago dos anos 1960. A narrativa em primeira pessoa parte de uma garota de 10 anos chamada Karen, que possui um diário no qual ela se desenha como uma menina metade humana e metade lobo. Além disso, ela é apaixonada por filmes de terror e revistinhas sobre monstros, o que confere à obra uma rica contribuição a respeito do assunto, já que ao longo da narrativa nossa protagonista cita diversos exemplos que fazem parte do seu repertório de clássicos do horror.

A história tem como fio condutor a investigação de um assassinato, investigação essa realizada pela pequena menina Karen, que vai registrando em seu diário toda a sua pesquisa em torno do ocorrido. Paralelamente à investigação, a autora discorre também sobre questões familiares e relacionamentos interpessoais, nos provocando reflexões sobre as relações humanas e sobre como enxergamos o próximo.

Apesar de ter considerado uma excelente leitura, ressalto que é uma obra com muitos detalhes e que requer tempo e dedicação do leitor para apreciá-la do melhor modo possível. No mais, para quem preza por uma história em quadrinhos rica em conteúdos e com uma arte incrivelmente caprichada, essa certamente é uma boa opção.





Deixe o seu comentário

7 Respostas para "[Resenha] Minha coisa favorita é monstro — Emil Ferris"

Angela Cunha - 23, outubro 2019 às (07:39)

Eu nunca tinha visto uma Graphic com tantas páginas assim! E lendo acima, entendi a demora em ser feita, pois o capricho nas ilustrações e enredo são fascinantes!
Meio que foge de tudo já foi lançado até o momento!
Os detalhes são impressionantes e uma história tão densa, criada assim, ponto a ponto.
Ainda quero ver essa “bichinha” em mãos. Deve ser a coisa mais linda.
Beijo

RUDYNALVA - 23, outubro 2019 às (22:00)

Clívia!
Acredito que toda dedicação durante os 5 anos que autora levou para escrever, deve ser dada pelo leitor ao ler e observar cada detalhe nas páginas.
Achei o formato bem diferenciado e gostei muito das ilustração, parecem desenhos feitos a mão pela protagonista mesmo que é uma criança e traz mais realidade a HQ.
cheirinhos
Rudy

Ariela Souza - 24, outubro 2019 às (12:03)

Eu AMEI essa arte!!!!!! Ja tinha visto esse quadrinho, mas nunca tinha visto as fotos por dentro. A historia que nao me deixou tao interessada, mas o QUE, a menina tem 10 anos ?????? kkk Enfim, de qualquer forma, que trabalho lindo pra se aproveitar….gostei muito!!!!

Theresa Cavalcanti - 28, outubro 2019 às (09:53)

Olá,
Não sou muito de ler quadrinhos, mas amei os desenhos desse, são muito bem feitos.
Amo isso de investigação, mas não sei o que pensar sobre a pessoa que está investigando ser uma menina de 10 anos.

Anna Mendes - 29, outubro 2019 às (13:40)

Oi Clívia!
Amei demais a resenha!! <3
Como eu nunca havia ouvido falar desse livro?! Achei incrível o trabalho realizado pela autora! As ilustrações estão maravilhosas e, pela premissa, parece ser uma história envolvente e diferente!
Não costumo ler histórias em quadrinhos, mas esse já vai para a minha lista de desejados! 🙂
Bjos!

Mariana - 30, outubro 2019 às (03:11)

Não costumo muito ler HQs, mas, caramba, essa me surpreendeu. Que desenhos lindos e bem detalhados. Dá para perceber como a autora trabalhou para fazer essa história.
A trama também parece bem interessante! Realmente é uma leitura que deve ser feita sem pressa para apreciar a beleza e os detalhes das páginas. Fiquei com vontade de ler, Clívia, quem sabe não leio nas férias, vai para a minha lista de desejos!

Ana I. J. Mercury - 31, outubro 2019 às (23:47)

Que graphic linda!
Adorei a ideia, a premissa é bem interessante e parece ser uma delícia de ler!
Essas investigações por adolescentes são bem divertidas!
As ilustrações são lindíssimas!
bjs

Últimas Resenhas

Calendário de posts

outubro 2019
S T Q Q S S D
« set   nov »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Desafio Fuxicando Sobre Chick-Lits 2019

<div class="titulo desafio-fuxicando-sobre-chick-lits-2019"><h6>Desafio Fuxicando Sobre Chick-Lits 2019</h6></div>

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2019 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por