[Resenha] Um Verão na Itália — Carrie Elks | Minha Vida Literária
13

jun
2018

[Resenha] Um Verão na Itália — Carrie Elks

Título: Um Verão na Itália
Título original: Summer’s Lease
Autor: Carrie Elks
Tradutor: Andréia Barboza
Editora: Verus
Número de Páginas: 280
Ano de Publicação: 2018
Skoob: Adicione
Compare e compre em pré-venda: AmazonAmericanasSaraivaSubmarino

Férias de verão gratuitas em uma bela villa na Itália. A condição? Dividir a casa com seu maior inimigo… O primeiro volume da série As irmãs Shakespeare. Cesca Shakespeare chegou ao fundo do poço. Depois de escrever uma peça de teatro premiada que acabou em desastre, o bloqueio criativo se instalou, sem previsão de ir embora. Seis anos mais tarde, ela acabou de perder mais um emprego pavoroso e está prestes a ser despejada de seu apartamento. Pior ainda, suas irmãs não fazem ideia de como sua vida vai mal.

Assim, quando seu padrinho lhe arruma uma temporada de verão em uma bela villa italiana, sem ter de pagar nada por isso, Cesca concorda, meio a contragosto, em ir para lá e tentar escrever uma nova peça. Isto é, antes de descobrir que a casa pertence a seu arqui-inimigo, Sam Carlton.

Tendo acabado de ver seu nome em todas as manchetes pelas razões erradas ― mais uma vez ―, o galã de Hollywood Sam Carlton precisa de um lugar para se esconder. Que opção melhor do que a linda villa desocupada de sua família à beira do Lago Como? Só que, quando ele chega, descobre que a casa não está tão desocupada quanto ele esperava. Ao longo do quente verão italiano, Cesca e Sam terão de confrontar o passado. E o que começa como uma hesitante amizade rapidamente se torna uma atração intensa ― e depois uma aventura ardente.

Uma coisa é certa: este será um verão abrasador… Esta é a nova e deliciosa série da autora best-seller Carrie Elks. Você vai conhecer a família Shakespeare: quatro irmãs, quatro histórias… quatro maneiras de encontrar o amor verdadeiro.

Um Verão na Itália é o primeiro livro da série As Irmãs Shakespeare de Carrie Elks, que será publicada no Brasil pela editora Verus. Composta de quatro volumes, a quadrilogia traz a história de cada uma das irmãs em determinada estação do ano — a começar por Cesca, segunda mais nova da família.

Cesca Shakespeare é uma jovem de 24 anos que teve sua breve carreira de dramaturga destruída em sua peça de estreia: o ator principal fugiu da noite para o dia, fazendo com que a peça fosse cancelada. A humilhação e a frustração foram tantas que Cesca jamais conseguiu voltar a escrever, e agora pula de emprego em emprego sem conseguir se estabelecer. Até que ela é convidada a cuidar por um mês de uma villa na Itália, tendo a chance de se afastar de seus problemas e, quem sabe, de voltar a escrever. Ela só não esperava encontrar com Sam durante sua estadia na Itália, o ator que arruinou sua vida e hoje é uma estrela de Hollywood.

A narrativa de Um Verão na Itália se dá em terceira pessoa e, talvez por isso, não tenha me envolvido tanto quanto desejei ao iniciar a leitura. Ainda assim, a escrita de Carrie Elks é leve e divertida, sendo capaz de proporcionar gostosos momentos de entretenimento: a confusão da vida de Cesca aliada ao paradisíaco cenário italiano garante por si só a imersão na atmosfera da história, já que, ao mesmo tempo em que queremos acompanhar a trajetória da protagonista, também nos é garantida a sensação de aconchego e encantamento pelo local onde tudo acontece.

Mas mais do que o enredo em si ou seu contexto, o que me ganhou em Um Verão na Itália foram as personagens e a relação que se dá entre elas. Tanto Cesca quanto Sam são imperfeitos ao seu modo, de forma que seus defeitos e qualidades sejam completamente transparentes ao leitor. Ambos são levados pelas emoções em diversas situações e nem sempre agem de maneira racional, o que me deu uma sensação maior de veracidade naquilo que lia. Me irritei com os dois e igualmente me apaixonei por eles. Sobretudo, amei acompanhar a maneira de como se apaixonam um pelo outro, revelando suas fraquezas e anseios e encontrando no outro a força para encarar seus fantasmas. Os próprios traumas de cada um trazem um complemento a mais para o enredo e nos fazem torcer pela resolução de seus conflitos.

Outro ponto que muito me conquistou foi a própria relação de Cesca com a escrita. Achei linda sua relação com as palavras e como se dá seu processo de criação de histórias. Vê-la lutar contra o bloqueio e dar ouvidos às vozes dos personagens que rodeiam sua mente foi com certeza uma inspiração, uma vez que, como escritora, também enfrento momentos de dificuldades como o dela. Mas, acima de tudo, a superação de seu bloqueio é também, para ela, uma tentativa de retomada das rédeas de sua vida, e a busca por sua voz é uma delícia de ser acompanhada.

Um Verão na Itália não é daquelas histórias cheias de altos e baixos ou com grandes reviravoltas. De modo geral, o enredo é até mesmo daqueles mais do mesmo; contudo, é exatamente isso que faz da leitura tão aconchegante: se você procura um romance fofo e gostoso de acompanhar, no estilo de tantos outros que já conquistaram por aqueles clichês que todo mundo adora, essa é a escolha ideal.

AS CAPAS ORIGINAIS DA SÉRIE AS IRMÃS SHAKESPEARE





Deixe o seu comentário

9 Respostas para "[Resenha] Um Verão na Itália — Carrie Elks"

Daiane Araújo - 13, junho 2018 às (19:56)

Oi, Aione.

Sem dúvidas esse cenário encantador, onde a história se passa, só reforça o enredo eloqüente do livro.

Apesar de ser uma leitura leve e ser bem clichê, é um romance que conquista por ser construído minuciosamente. Ver cada etapa do mesmo, é sem igual.

Tenho absoluta certeza que é um livro que vou gostar. Já fui ‘tragada’ por ele. ^^

P.S.: Estou apaixonada pelas capas dos outros livros. 😍

Responder

Anna Mendes - 14, junho 2018 às (13:57)

Oi Aione!
Adorei a resenha! <3
Gostei bastante da premissa desse livro! Parece ser uma leitura muito leve, rápida e gostosa de fazer. E o romance parece ser muito fofo e cativante! Adoro ler romances assim, principalmente depois de uma leitura mais "pesada".
E o que falar das capas dos livros dessa série? Estou simplesmente apaixonada!! Que capas lindas, fofas e delicadas! Espero que a editora mantenha todas as capas originais 😉
Bjos!

Responder

Micheli Pegoraro - 14, junho 2018 às (16:52)

Que livro delicinha Aione, estava aguardando essa resenha 😉
O fato da história se passar nos cenários deslumbrantes da Itália me conquistou na hora, a leitura será muito prazerosa e gostosa de se acompanhar em meio a essa vila.
A Cesca e o Sam são dois personagens reais, que cativam com seus altos e baixos, com seus medos, inseguranças e sonhos mostram que são pessoas normais, gente como a gente.
Parece ser uma leitura gostosa e fofa, com todos os clichês que adoro.
Com certeza vou querer acompanhar essa série, as capas já me conquistaram.
Beijos

Responder

RUDYNALVA CORREIA SOARES - 15, junho 2018 às (22:27)

Nossa Aione!
Pensei que seria um livro excepcional e acaba sendo mais do mesmo…
Seria um sonho de consumo poder ir para uma vila paradisíaca na Itália, que protagonista sortuda… É que minha descendência é italiana e tenho a maior vontade de conhecer a Itália.
Gosto dos romances com dramas e quando os protagonistas acendem aquele fogo interior, incapazes de se segurarem.
“Sou uma só. (…) Sou um ser. E deixo que você seja. Isso lhe assusta? Creio que sim. Mas vale a pena. Mesmo que doa. Dói só no começo.” (Clarice Lispector)
cheirinhos
Rudy
TOP COMENTARISTA JUNHO – 5 GANHADORES
BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

Responder

Lily Viana - 17, junho 2018 às (09:57)

Olá!
Estava bem ansiosa por essa resenha, a historia é muito fofa e bem comovente. Não tinha conhecimento sobre a autora mais adorei bastante em conhecer esse livrinho dela e a capa são maravilhosas principalmente a do inverno..Amo inverno! hahaha

Meu blog:
Tempos Literários

Responder

Ludmila do Carmo - 21, junho 2018 às (22:53)

Desde que vi o livro pela primeira vez em um dos seus videos me apaixonei pela capa e pela premissa dele. Me senti meio que acolhida e com vontade de participar da história. .Depois de ler a sinopse e algumas opiniões, não me importei em ser clichê, me interessei ainda mais pelo livro. Espero ter a oportunidade de ler logo e me apaixonar pela história.

Responder

suzana cariri - 27, junho 2018 às (14:25)

Oi!
Quero muito ler a série As Irmãs Shakespeare, gostei muito dessa ideia de cada livro da serie falar sobre uma estação e as capas dos livros estão linda, a historia desse primeiro livro me conquistou, e o tipo de livro que gosto de ler, parece ser um daqueles romances, leves e que logo nos conquista, perfeito para ler depois de leituras mais densas, achei bem interessante temos a historia se passando na Itália, gostei muito dessa historia de personagens imperfeitos e fiquei curiosa para poder acompanhar a historia de antes do casal !!

Responder

Patrini Viero - 28, junho 2018 às (14:25)

Eu já tinha ouvido falar do livro, mas ainda não li. Romances não são exatamente meu gênero preferido, ainda mais quando trazem muitos elementos clichês em suas tramas. Mas o que me deixou instigada nesse livro foi exatamente a veravidade com que a autora construiu ambas as personagens. A identificação com elas, pelo que eu pude perceber, é fácil e quase imediata, o que torna tudo mais interessante, visto que o leitor realmente entra na história e a vive juntos dos protagonistas. As capas são lindas e eu achei uma bela sacada da editora manter as originais.

Responder

Ana Carolina Venceslau Dos Santos - 29, junho 2018 às (19:47)

Adorei a sinopse do livro e tem cara de ser um daqueles romances bem fofinhos e água com açúcar a leitura Parece ser bem agradável e eu devo imaginar a surpresa dela de saber que vai ter que dividir a casa com o Sam. Deve ser uma leitura maravilhosa.

Responder

Últimas Resenhas

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2018 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por