[Resenha] Extraordinárias - Duda Porto de Souza e‎ Aryane Cararo | Minha Vida Literária
15

jan
2018

[Resenha] Extraordinárias – Duda Porto de Souza e‎ Aryane Cararo

Título: Extraordinárias: Mulheres Que Revolucionaram o Brasil
Autor: Duda Porto de Souza e‎ Aryane Cararo
Editora: Seguinte
Número de Páginas: 208
Ano de Publicação: 2017
Skoob: Adicione
Compare e Compre: Amazon ♥ AmericanasSaraivaSubmarino

Dandara foi uma guerreira negra fundamental para o Quilombo dos Palmares. Bertha Lutz foi a maior representante do movimento sufragista no Brasil. Maria da Penha ficou paraplégica e por pouco não perdeu a vida, mas sua luta resultou na principal lei contra a violência doméstica do país. Essas e muitas outras brasileiras impactaram a nossa história e, indiretamente, a nossa vida, mas raramente aparecem nos livros. Este volume, resultado de uma extensa pesquisa, chega para trazer o reconhecimento que elas merecem. Aqui, você vai encontrar perfis de revolucionárias de etnias e regiões variadas, que viveram desde o século XVI até a atualidade, e conhecer os retratos de cada uma delas, feitos por artistas brasileiras. O que todas essas mulheres têm em comum? A força extraordinária para lutar por seus ideais e transformar o Brasil.

Extraordinárias: Mulheres que revolucionaram o Brasil reúne cerca de 40 mini-biografias de mulheres importantíssimas na história do país em diversos âmbitos — político, cultural, científico etc. Escrito em co-parceria entre as jornalistas Duda Porto de Souza e Aryane Cararo, conta também com um time de nove ilustradoras, responsáveis por tornar o livro ainda mais prazeroso de ser acompanhado.

Extraordinárias visa sobretudo um público mais jovem, embora não seja exclusivo para ele, fato perceptível pelo próprio selo em que foi publicado e pelo trabalho que as autoras realizam direcionado ao público infantil. Dessa maneira, sua linguagem não só é bastante acessível, como também há uma nítida preocupação em trazer explicações agregadas às biografias sempre que julgadas necessárias, além de um glossário acompanhar o livro. Assim, a obra nos permite tanto conhecer a vida de cada mulher quanto abrange diversas outras informações sem se tornar densa, já que há fluidez e leveza no texto das autoras, o que possibilita uma leitura de fácil compreensão e, ainda assim, informativa.

Em relação às mulheres selecionadas, foram escolhidas 40 brasileiras e quatro estrangeiras, cujas vidas tiveram impacto em nosso país. Apesar de conhecer algumas dentre todas as citadas, não fazia ideia sobre a maioria e nem ao menos sabia com muitos detalhes as histórias daquelas de quem conhecia os nomes. Assim, tive a oportunidade de ter contato com figuras de épocas diferentes, em contextos diferentes e em situações e lutas diferentes, mas que carregam entre si o fator comum de serem mulheres a frente do seu tempo, no sentido de terem sido capazes de ir além do que a elas foi imposto.

Não foi incomum que eu tenha me pegado chorando com algumas histórias, seja por revolta em relação ao que viveram ou por emoção sobre o que conquistaram. Sem dúvidas, essa é uma leitura inspiradora e capaz de ampliar nossa perspectiva e nossa visão de mundo. Afinal, quantas outras trajetórias tão significativas quanto as dessas mulheres não existem por aí sem que tenhamos notícia? Como vidas tão impactantes com resultados tão importantes em nossa nação são tão pouco comentadas? Por que mal ouvimos falar de tantos desses nomes em nossas aulas de história, se suas atuações são tão significativas quanto as de muitos dos homens que costumamos estudar?

Ao final do livro, há uma linha do tempo da história do Brasil construída a partir de dados importantes acerca da luta feminina e fiquei extremamente chocada em como algumas conquistas são recentes. Mesmo sendo feminista e tendo noção da situação da mulher ao redor do mundo, ainda assim me abalei com o atraso de algumas questões. Parte de mim ainda se espanta em como ainda somos retrógrados em tantos pontos, e olhar para essa cronologia foi mais um atestado desse fato. Por outro lado, a parte mais otimista de mim ficou feliz ao ver como a luta de tantas mulheres, a nossa luta, gerou resultados e continua gerando. Sem dúvidas, foi um incentivo à ideia de que não devemos nos calar.

Acredito que um dos pontos mais significativos de Extraordinárias para mim foi sua capacidade de me colocar nos contextos de cada uma dessas mulheres e me fazer ter uma compreensão muito mais real da história do nosso país. Apesar de cursar Letras, um curso da área de Humanas, História sempre foi a matéria que mais tive dificuldade em minha época de escola. Contudo, ler sobre a história do país contada por Duda Porto de Souza e Aryane Cararo me fez ter mais noção de diversas nuances e situações de maneira que poucas aulas ao longo da minha vida escolar foram capazes. Claro que credito parte desse feito à própria habilidade narrativa das autoras; porém, acima de tudo, acredito que isso foi possível por ter ouvido a história a partir de um contexto que de fato diz algo para mim. O livro não é um compilado de fatos históricos ou um apanhado de nomes incluídos em um contexto; mais do que isso, Extraordinárias reúne vidas e foi esse olhar humanizado que me permitiu compreender com muito mais facilidade as situações nas quais cada mulher esteve envolvida. Uma leitura recomendadíssima a todos, independentemente de gênero ou idade, por trazer histórias que dificilmente são contadas e que deveriam ser (re)conhecidas.





Deixe o seu comentário

8 Respostas para "[Resenha] Extraordinárias – Duda Porto de Souza e‎ Aryane Cararo"

Daiane Araújo - 15, janeiro 2018 às (13:53)

Oi, Aione.

Acho que é um livro que ressalta bem o extremo valor dessas mulheres que tiveram sua importância e um papel importante em nossa sociedade, diante das circunstâncias, e que merecem o devido reconhecimento por serem tão guerreiras. E que nos permite conhecer detalhadamente suas trajetórias, e até mesmo, tê-las como exemplo a ser seguido.

Responder

Dandara Machado - 15, janeiro 2018 às (16:13)

Enriquecedora e também motivadora essa leitura, no sentido de que também podemos ser mulheres à frente de nosso tempo e fazer a diferença na sociedade.

Responder

Aline Teixeira - 15, janeiro 2018 às (17:00)

Olá Aione! Adoro História e achei esse livro muito inspirador. Todo esse empoderamento feminino das mulheres que foram importantes para o país e que estavam no anonimato antes dessa obra surgir deixa os brasileiros muito orgulhosos. Posso imaginar o quão emocionante as biografias devem ser. preciso ler esse livro JÁ. Beijos

Responder

Anna Mendes - 16, janeiro 2018 às (07:58)

Oi Aione! Adorei a resenha!
Que livro lindo! Tanto a capa quanto as ilustrações estão maravilhosas, o que já é um grande incentivo para fazer a leitura.
Esse livro parece ser muito inspirador. Imagino que eu não deva conhecer nem metade das mulheres retratadas no livro, o que é uma pena.
Fiquei muito curiosa para fazer a leitura!
Bjos!

Responder

Lily Viana - 16, janeiro 2018 às (16:14)

Olá!
Gostei do livro, tem uma premissa muito boa. Foi algo bem original ressaltada no livro biografia de mulheres incríveis que foram importante para nossa nação, já me deixou bastante curiosa pelo livro.

Tempos Literários

Responder

Vitória Pantielly - 23, janeiro 2018 às (09:42)

Oi Aione!
É um possível olhar esse livro e não desejá- lo…
Confesso que sei bem pouco sobre a história dessas mulheres, já havia pesquisado sobre quais nomes continham no livro e me deparei com vários que não conhecia e nem se quer sabia que faziam parte da nossa luta. É lindo ver um lançamento desses na época em que estamos vivendo, onde muitas mulheres estão conhecendo seu enorme valor…
Eu imagino que não deve ter sido fácil ver pelo que elas passaram para conquistar um pouco do que temos, mas também sei que acompanhar essas histórias deve ser incrível…
É um livro que sem dúvidas eu pretendo ler, e indico mesmo antes disso !
Beijos

Responder

Lana Silva - 24, janeiro 2018 às (16:00)

Amei este livro, já havia visto esta edição lindíssima pelas redes sociais, porém esta e a primeira resenha que leio e me surpreendi pela delicadeza, ilustração, e mesmo que possua uma escrita mais volta pra crianças, e adolescentes, de fácil compreensão, e um livro que possui uma história incrível, de mulheres em diversos cenários, e mesmo com lutas diferentes, estavam juntas em prol da mesma busca, autonomia, liberdade, e direito. Quero conhecer a história de cada uma, e me emocionar, e inspirar.

Venha participar do sorteio de um kit da caixinha da TAG Livros http://petalasdeliberdade.blogspot.com.br/

Responder

Ana Carolina Venceslau dos Santos - 29, janeiro 2018 às (10:00)

Eu confesso que eu fiquei muito impressionada quando a editora anunciou o lançamento desse livro eu não sei se impressionado é a palavra certa acho que maravilhada e não só pelo livro falar sobre mulheres que revolucionaram o mundo e sim por falar sobre mulheres que revolucionaram o Brasil mulheres essas que realmente merecem muito destaque e que muitas até não são reconhecidas Então esse livro eu indicaria para qualquer um até porque falam sobre grandes ícones da nossa história

Responder

Últimas Resenhas

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2018 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por