[Resenha] Sonhos em Flor - Estelle Laure | Minha Vida Literária
23

fev
2018

[Resenha] Sonhos em Flor – Estelle Laure

Título: Sonhos em Flor
Autor: Estelle Laure
Editora: Arqueiro
Número de Páginas: 272
Ano de Publicação: 2018
Skoob: Adicione
Compre: Amazon ♥ AmericanasSaraiva ♥ Submarino

Eden Jones tem 17 anos e o futuro todo planejado. Com o apoio dos pais amorosos, do irmão gêmeo que a entende como ninguém e de Lucille, a melhor amiga de todas, sonha em estudar em Nova York e se tornar uma grande bailarina. Então seu mundinho perfeito começa a desmoronar… Além de não se sair bem no primeiro teste para um balé importante, fica sem chão quando Lucille e seu irmão escondem dela que estão namorando. Mas o destino achou que isso não era o bastante. Eden passa por uma incrível experiência de quase morte, porém volta com muitas perguntas e não consegue retomar a vida. As alucinações com flores negras e com a garota em coma na mesma ala do hospital onde esteve internada a levam a Joe, e só aí ela entende que não ter o controle das coisas pode ser libertador.

Sonhos em flor, de Estelle Laure, chamou minha atenção por sua temática, já que é um YA cuja história se desenvolve após o período de coma da protagonista. Após realizar a leitura, só posso me sentir encantada pela escrita sensível e envolvente da autora, que me conquistou logo nos primeiros parágrafos.

 

Após uma fase conturbada em sua vida, Eden sofreu um acidente que a deixou em coma por um mês. Durante esse período, ela vivenciou experiências bastante reais, mas que não sabe identificar se são apenas um produto de sua mente confusa. Ao acordar, Eden começa a ter visões sobre flores negras que mais ninguém é capaz de enxergar, além de descobrir, no mesmo hospital, outra garota em coma, que ela sabe ter visto durante seu período de inconsciência. Enquanto tenta entender o que pode estar acontecendo com ela, Eden, sem saber, parte em busca de algo maior: o significado de se estar viva.

Era um momento de crise. Você sabia disso no seu cérebro de polvo agitado, mas não registrou a informação. Porque você não era mais você. Não estava nem perto de ser você. Não mesmo. Não era sequer humana. Não, garota. Você era o vento folheando as páginas de um livro; era um mar de grama oscilando. Era o salgueiro, chorando, chorando e ao mesmo tempo cantarolando uma cantiga de ninar, e a sensação era gostosa, linda e infinita.

página 15

O que mais me chamou a atenção durante a leitura de Sonhos em flor foi a extrema ligação da narrativa com a personalidade de Eden. A escrita de Estelle Laure tem um tom nitidamente poético principalmente por representar tão fortemente as emoções e sensações da personagem. Ao mesmo tempo, é um reflexo direto de seus pensamentos, o que permite que Eden seja apresentada de maneira completamente sincera: temos acesso a tudo que ela pensa, questiona e sente de uma forma livre e espontânea, o que simplesmente me encantou. Não só adorei a personalidade da protagonista como também tive um forte sentimento de identificação com ela — não por sermos parecidas em algum nível, mas pela maneira de como tudo é processado dentro dela. Não é raro nos deparamos com pensamentos e sensações contraditórios, exatamente como acontece conosco.

Em relação às temáticas, Sonhos em flor não deixa de atender o gênero a que pertence: traz questões próprias dessa fase de transição entre adolescência e vida adulta, como primeiro amor, o encarar de mudanças e instabilidades, as dificuldades em se relacionar com o mundo e as pessoas ao nosso redor, entre outras. Porém, o livro vai além.

Não estamos aqui para nos salvar. Nunca deixaremos de ser algo imperfeito e sujeito a mudanças. Não somos uma coisa. Nem mesmo duas. Somos milhares. Somos facetas. Brilho de estrelas.
Que está por trás das histórias, ou debaixo delas, é disso que vou sentir falta.

página 256

A experiência de quase-morte de Eden a força a enxergar sua vida por outra perspectiva e a coloca em conflito consigo mesma em relação a todas as suas crenças. Assim, ela passa a questionar o sentido de sua existência, algo muito mais profundo e, também, universal. A mensagem por trás de Sonhos em flor está ligada ao sentido de se estar vivo e em que isso implica, com todas suas facetas — sejam boas ou ruins. Esse é um livro sobre perdas, sobre angústias e medos, mas é também um livro sobre descobrir o que há de bom em meio a todas essas dificuldades.

De modo geral, adorei Sonhos em flor por ter me proporcionado uma leitura bastante rápida e envolvente. Entretanto, o que mais me agradou foi ter entrado em contato com uma obra leve e, ao mesmo tempo, tão sensível e com uma reflexão tão bonita e significativa. Não foi uma experiência que me levou às lágrimas ou que me impactou profundamente, mas, ainda assim, não deixou de ser válida e agradável. Vale lembrar que o livro é um spin-off de Essa luz tão brilhante, protagonizado pela melhor amiga de Eden, mas cuja leitura não é necessária para a compreensão de Sonhos em flor.





Deixe o seu comentário

5 Respostas para "[Resenha] Sonhos em Flor – Estelle Laure"

RUDYNALVA CORREIA SOARES - 23, fevereiro 2018 às (21:15)

Aione!
Já gostei que pode ser lido de forma independente.
Achei bem interessante o fato da autora trazer a baila o tema ‘corpo perfeito’ para a função de bailarina e ainda mais porque a personagem cresceu durante toda a trama, maravilha!
Um maravilhoso final de semana!
“Acredite que você pode, assim você já está no meio do caminho.” (Theodore Roosevelt)
cheirinhos
Rudy

Responder

Giuliana Santos - 25, fevereiro 2018 às (23:29)

Ao olhar a capa imaginei uma história bem despretensiosa, confesso, mas me enganei porque me interessa muito essa temática de experiencia de quase morte e coma, sendo que nunca um livro com essas abordagens. Já fiquei curiosa pra saber o que há por trás dos sonhos da protagonista que envolve a outra personagem e as famigeradas flores. Está nos desejados! Bjs

Responder

Michelli Prado - 27, fevereiro 2018 às (15:47)

Oi Aione, tudo bem?
Estava ansiosa para conferir tua resenha sobre este livro e já adicionei ele na lista de desejados de depois de conferir tua opinião. Gosto bastante da premissa dele, de poder acompanhar esta historia de superação e dessa visão de vida da protagonista, após ela quase perder a dela. Como disse creio que seja uma leitura cheia de reflexão e lições que podemos trazer para a nossa vida.

Responder

Ana Carolina Venceslau Dos Santos - 27, fevereiro 2018 às (17:34)

Eu não sou muito fã de livros de poesia mas eu fiquei muito interessada nele pela simplicidade com a qual livro foi escrito Eu não procurei saber muito das críticas que outros blogs deram para este livro porque eu realmente o interesse nele pela capa e pela sinopse

Responder

Ana I. J. Mercury - 28, fevereiro 2018 às (15:45)

Parece ser um livro muito lindo.
Sensível, cheio de mistérios, reviravoltas e muito crescimento de todos os personagens, principalmente, da Eden.
Vou querer ler com certeza.
Ah, quero o outro da autora também!
bjsss

Responder

Últimas Resenhas

Minha Vida Literária • todos os direitos reservados © 2018 • powered by WordPress • Desenvolvido por Responsivo por